fbpx

O investimento na área da sustentabilidade é uma realidade empresarial. Os consumidores estão cada vez mais atentos e exigentes, no que respeita ao impacto das suas escolhas, preferindo produtos e serviços mais sustentáveis.

Estima-se também que a quantidade de produtos, marcas, apps, sites e lojas com opções de consumo éticas, biológicas e mais saudáveis continue a crescer, bem como o procurement público sustentável. O que é um estímulo ao aumento da procura de Gestão de Projetos Sustentáveis.

Mas afinal o que é sustentabilidade?

“Sustentabilidade é a capacidade de satisfazer as nossas necessidades no presente, sem comprometer a capacidade das gerações futuras de satisfazerem as suas próprias necessidades. De modo a garantir o equilíbrio entre o crescimento económico, o cuidado com o ambiente e o bem estar social”.

In Relatório “Our Common Future” da Comissão Brundtland (1987).

Mba Gestao De Projetos Sustentaveis Equipa

Objetivos de Desenvolvimento Sustentável para 2030

Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) e a Agenda 2030, adotados por mais de 190 países, no contexto das Nações Unidas, definem as prioridades e as aspirações do desenvolvimento sustentável global para 2030.

O grande desafio é que os ODS têm de ser implementados por todos os países do mundo até 2030. Ou seja, durante os próximos 15 anos.

Os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

17 Ods Das Nações Unidas

De acordo com a ONU, “Enquanto motor do crescimento económico e do emprego e fonte de tecnologia e inovação, o setor empresarial tem um papel crítico a desempenhar e um interesse próprio em contribuir para alcançar os ODS. Estes objetivos são uma oportunidade para as empresas melhorarem e implementarem novas ações e projetos estratégicos, com vista a contribuir para as metas nacionais e mundiais”.

Atualmente, as pequenas e médias empresas (PME) constituem 99% das empresas da União Europeia, representando uma oportunidade de mercado significativa para melhorias ao nível da sustentabilidade.

Mba Gestao De Projetos Sustentaveis Empresa

Oportunidades e desafios de sustentabilidade para as empresas

Segundo o BCSD (Conselho Empresarial para o Desenvolvimento Sustentável) as empresas são um parceiro vital. As organizações podem utilizar os ODS, enquanto enquadramento global, para moldar, orientar, comunicar e relatar as suas estratégias, objetivos e atividades.

O QUE VAI PERMITIR CAPITALIZAR BENEFÍCIOS COMO:

  • Identificar futuras oportunidades de negócio, em mercados em crescimento e que poderão beneficiar de soluções inovadoras
  • Aumentar o valor da sustentabilidade corporativa, através dos incentivos económicos, para uma utilização de recursos mais eficiente
  • Fortalecer as relações com os stakeholders e acompanhar o ritmo do desenvolvimento das políticas públicas, antecipando a gestão de riscos legais e de reputação
  • Estabilizar sociedades e mercados, salvaguardando o sucesso dos negócios em sociedades pujantes, com mercados regulamentados, sistemas financeiros transparentes e instituições não corruptas e geridas com eficiência
  • Utilizar a mesma linguagem e um propósito comum para uma comunicação mais eficaz com os stakeholders a respeito dos seus impactos e desempenhos.

Mba Gestao De Projetos Sustentaveis Green2

O aumento da Gestão de Projetos Sustentáveis

Tendo em conta as metas das Nações Unidas fixadas para 2030, prevê-se um aumento de projetos na área da sustentabilidade, por parte de organizações governamentais, ONGs, empresas públicas e privadas.

No seu livro The Focused Organization (2012), Antonio Nieto-Rodriguez identificou a mudança crescente das operações para um foco de projetos, nos últimos 100 anos. A pesquisa mostrou que, a partir de 2014, aproximadamente 30% do PIB mundial tem sido gasto em projetos. Algumas previsões apontam, ainda, para 40% até 2020.

O MBA em Gestão de Projetos Sustentáveis, da Autónoma Academy, ensina a medir o impacto de um projeto e a assegurar o seu contributo positivo para os objetivos estratégicos de uma organização, alinhado com os ODS.

O curso de 231 horas, apresenta 23 módulos especializados, como Framework da Gestão de Projetos, Business Case e Gestão de Benefícios, Orçamentação do Projeto, Análise e Viabilidade Económica, entre muitos outros.

Mba Gestao De Projetos Sustentaveis Edificio

Gestão de Projetos Sustentáveis: O Método PRiSM

Uma dos objetivos do MBA em Gestão de Projetos Sustentáveis é gerir um projeto, de acordo com a metodologia PRiSM (Projects Integrating Sustainable Methods).

O que é o PRiSM?

O PRiSM ou, em português, Projetos Integrando Métodos Sustentáveis, é uma metodologia de gestão de projetos, que integra a componente da sustentabilidade, desenvolvida pela Green Project Management (GPM). Uma organização sem fins lucrativos, que trouxe para a Gestão de Projetos a componente da Sustentabilidade.

De modo simples, a introdução da Sustentabilidade na Gestão de Projetos pode ser vista como uma abordagem, que visa a mitigação de riscos, a proteção da marca e a maximização dos investimentos.

O PRiSM é baseado no premiado P5 Standard for Sustainability in Project Management. O P5 assenta na chamada triple-bottom-line da sustentabilidade – People, Planet e Prosperity -, tendo acrescentado o P dos Products e o P dos Processes.

AS PRINCIPAIS VANTAGENS DO P5

  • Através do P5 é possível medir o impacto de um projeto e assegurar o seu contributo positivo para os objetivos estratégicos de uma organização, bem como para os ODS das Nações Unidas
  • Este modelo é conhecido por ser eficaz na redução do risco do projeto, de uma perspetiva ambiental, social e económica, e aumentar os benefícios obtidos
  • A principal diferença, em relação às abordagens tradicionais, é que o PRiSM integra um modelo de maximização de valor, focado no ciclo de vida total do ativo
  • O método PRiSM coloca os projetos num foco mais estratégico, ao aproveitar os sistemas organizacionais existentes. Assim, garante que os benefícios são realizados, tanto na horizontal como na vertical, com a atenção direcionada para a sustentabilidade dos processos e produtos.

O PRiSM vai além do típico ciclo de vida do projeto, com uma abordagem em cinco fases, que incorpora o planeamento do pré-projeto, a adoção e a integração de produtos e de serviços, bem como a realização de benefícios.

O Ciclo de Vida do Projeto PRiSM

Os projetos são, geralmente, divididos por fases para fornecer um melhor controlo de gestão. E as várias fases representam o ciclo de vida do projeto.

Esta sequência visa permitir, que a equipa desenvolva uma compreensão mais profunda e detalhada dos objetivos definidos, sendo estes depois analisados e revistos no final de cada etapa.

Em cada fase de projeto, compete ao gestor de projetos decidir se este deve ou não continuar para a próxima etapa, através de uma reflexão sobre a validade e funcionalidade do business case.

Fases Do Prism1. Na FASE DE PRÉ-PROJETO PRiSM, são identificados os objetivos e nomeado o patrocinador do projeto, bem como o parceiro de gestão de projeto e a equipa de trabalho. Tem início o desenvolvimento do business case, enquanto são revistas as aprendizagens anteriores.

2. Na FASE DE DESCOBERTA, são definidos os requisitos e o business case é alinhado com os sistemas organizacionais. São também identificados e analisados os impactos de sustentabilidade, de modo a transformá-los em oportunidades, que criem valor social, ambiental e económico.

3. Na FASE DE DESIGN, a solução do produto ou serviço é desenvolvida, sendo analisadas as suas necessidades, ao nível de recursos, custos, calendarização, riscos, valor, benefícios e impactos. Além disso, a análise de sustentabilidade é afinada e os critérios de aceitação são estabelecidos.

4. Na FASE DE ENTREGA, a equipa do projeto assegura o que é necessário para alcançar os resultados e os benefícios esperados. Nesta etapa, a fase anterior deve ser revista, de modo a assegurar a sua validade, funcionalidade e relevância.

5. Finalmente, na FASE DE FECHO DO PRISM, a equipa entrega o projeto, sendo feita a revisão final e fornecida toda a informação do plano de gestão para o relatório de sustentabilidade. O projeto fica também fechado a nível administrativo. O que pode envolver a coordenação de entregas, a produção e o suporte de operações e manutenção, assim como, as mudanças organizacionais.

Mba Gestao De Projetos Sustentaveis Energia

Os 6 Princípios para a Sustentabilidade da Gestão de Projetos

Os princípios do PRiSM são baseados nos 10 Princípios do Pacto Global da ONU, Carta da Terra e ISO: 26000, Orientação sobre Responsabilidade Social Corporativa.

A sustentabilidade corporativa tem por base o sistema de valores de uma empresa, assim como uma abordagem baseada em princípios para fazer negócios. Tal significa, cumprir responsabilidades fundamentais nas áreas dos direitos humanos, trabalho, meio ambiente e anticorrupção.

Prism 6.001

As empresas responsáveis defendem os mesmos valores e princípios, onde quer que estejam presentes. E estão conscientes, de que as boas práticas numa área não compensam os danos provocados em outra.

Invista nesta área corporativa em crescimento, com o curso em Gestão de Projetos Sustentáveis, da Autónoma Academy.

Este site faz utilização de cookies de forma a garantir uma melhor experiência de navegação e recolha de dados estatísticos de tráfego. Ao continuar neste website estará autorizar a sua utilização.