Organizações Conscientes

A carregar Eventos
  • Este evento já decorreu.

Organizações Conscientes

2 de julho @ 18:00 - 20:00

Quando os negócios são conduzidos a partir de um alto nível de consciência, não há tensão entre a riqueza material e o bem-estar individual.

A organização consciente está permanentemente focalizada em três vertentes principais – o “eu”, a equipa e os resultados – convicta de que não existem resultados excecionais e sustentáveis sem que:

– as pessoas se comprometam individualmente com a sua felicidade, a sua saúde e bem-estar, com o seu propósito e com a sua responsabilidade;

– as equipas atinjam elevados níveis de confiança, de respeito e de interajuda;

– a organização como um todo produza crescimento económico e a criação partilhada de valor.

Numa analogia com um iceberg, a parte emersa representa os resultados alcançados, mas logo abaixo da superfície situam-se os processos, os comportamentos e as competências – isto é, aquilo que fazemos e como o fazemos – e num nível mais profundo a nossa identidade, a nossa mentalidade, os nossos valores e as nossas crenças.

A organização consciente é também aquela que aceita que a realidade e a consciência que tem dela são duas coisas diferentes, tal como um mapa não é o mesmo que o território que o representa. A consciência da realidade é intermediada pelas linguagens que usamos para a descrever – verbal ou não-verbal, codificadas em números ou outras linguagens simbólicas.

Assim para mudar uma organização e promover a sua autoconsciência temos que agir em primeiro lugar sobre estas linguagens, e mais concretamente sobre a forma como as conversas são geridas nessa mesma organização – incluindo as conversas que temos connosco mesmos.

Esta será, pois, uma conferência dedicada a estas conversas: a forma como vemos o mundo, a responsabilidade individual, a vitimização, os nossos “sabotadores”, as conversas construtivas, os compromissos e os requisitos de uma coordenação impecável, entre outras.

 

MenuLeft Menu Icon